Gorda pode?! vídeos

Eu odeio meu corpo

18/10/2017

Ontem, recebi “parabéns” por ter emagrecido alguns quilinhos, ouvi que era visualmente notável minha mudança (apesar de eu não ter reparado nada, mesmo). Pela primeira vez, não me senti feliz por ter ouvido isso; não me senti realizada por ter conseguido algo que nem eu mesma sabia que tinha.

Fiquei pensando em todas as vezes que me senti miserável por conta do corpo que tinha/tenho. Fiquei me sentindo uma idiota por ter me odiado tanto por tanto tempo; por ter me escondido, por ter me maltratado. Cresci ouvindo que se eu não me cuidasse, ninguém iria gostar de mim, ninguém ia me querer, ninguém ia querer casar com uma pessoa desleixada com o próprio corpo. Acredito que a grande maioria das mulheres já ouviram isso.

É utópico acreditar em tudo que se vê na internet, nas revistas. Tudo é feito ou falado de um jeito para que a gente sempre ache algum defeito em nosso próprio corpo. Somos impostas a não gostar, somos expostas a tratamentos estéticos caríssimos que resolvem marromeno as coisas. Gordura localizada, celulite e estrias todas as mulheres têm e é hipocrisia demais falar que não. São marcas normais, de qualquer ser humano.

Ao olhar minhas fotos de 2008/2009, é claro que eu era mais magra, ainda era adolescente, não tinha desenvolvido tudo. Tinha tempo livre de sobra e preocupação de menos. A vida adulta chegou e me mostrou como algumas mudanças nos fazem bem, principalmente a de não me odiar mais, não me esconder mais, não me reprimir mais e, sinceramente, me prefiro mil vezes hoje do que antes.

Não se odeie por você não estar satisfeita com o que vê no espelho. Não se sinta miserável, nem projete a sua felicidade pra quando estiver mais magra (por exemplo). Seja feliz e corra atrás das mudanças que tanto quer. Lembre-se que toda mudança exterior começa com uma interior, e seu pensamento é a primeira coisa que precisa mudar.

 

Se você gostou desse vídeo, se inscreva em meu canal! 😀

***
Me acompanhe por aí: Facebook | Twitter | Instagram | YouTube 💙

You Might Also Like

Sem comentários

Leave a Reply